A Tvardi Therapeutics, co-fundada pelo antigo presidente da M.D. Anderson e Conselheiro da Diáspora, angariou 9 milhões de dólares para apoiar ensaios clínicos de um medicamento experimental contra o cancro.

Ron DePinho, antigo presidente da M.D. Anderson Cancer Center, co-fundou a empresa Tvardi Therapeutics juntamente com David Tweardy, chefe de medicina interna na M.D. Anderson, que descobriu compostos que podem bloquear a molécula STAT3, aparentemente com um papel importante no desenvolvimento do cancro.

O Conselheiro da Diáspora diz que os inibidores da STAT3 poderão um dia ser implantados para o tratamento de outras doenças para além do cancro.

“A STAT3 é um regulador importante dos genes que são inseparáveis do cancro”, disse numa entrevista Ron DePinho, “Tem sido demonstrado nos modelos pré-clínicos que os inibidores dos genes STAT3 causam o retrocesso do cancro, invertem a fibrose cística e bloqueiam inflamações.”

Os executivos da Tvardi recusaram-se a identificar os investidores para a série A de angariação de fundos para a empresa. Os fundos serão usados para pagar a finalização da Fase 1 de ensaios clínicos da empresa com um composto, TTI-101, em tumores cancerígenos sólidos, que está a decorrer actualmente, e para a próxima Fase 1b.

 

Por Xconomy, Setembro de 2018

Related Articles