O ranking internacional Henley Passport Index 2019 considera o número de países em que cada passaporte permite entrar sem necessidade de visto, ou seja os portugueses podem entrar sem visto em 185 países.

.

Portugal tem o sexto passaporte mais poderoso do mundo em 2019. Quer isto dizer que os seus titulares podem entrar sem visto em 185 países, tantos como os portadores de passaportes norte-americanos, ingleses, austríacos, holandeses, suecos e noruegueses – e apenas em menos cinco países do que os japoneses, cujos cidadãos têm fronteiras abertas em 190 países.

Estas posições fazem parte do último ranking internacional relativo a 2019 – o Henley Passport Index – que avalia periodicamente a capacidade dos passaportes em todo o mundo, tendo em conta o número de países a que dão acesso sem necessidade de obtenção de visto.

O Japão e Singapura (189) mantêm os dois primeiros lugares da tabela. Seguem-se a França e a Alemanha, cujos passaportes permitem entrada sem visto em 188 países; a Dinamarca. Finlândia, Itália e Suíça (187): e o Luxemburgo e a Espanha.

Atrás de Portugal neste top 10 estão países como a Bélgica, Canadá, Grécia, Irlanda, República Checa, Malta, Austrália, Islândia e Nova Zelândia (lista em baixo).

O presidente da Henley & Partners, Christian Kalin, que criou este índice, diz que o ranking é um ponto positivo num mundo cada vez mais isolacionista. “A disseminação generalizada de políticas de portas abertas tem o potencial de contribuir com bilhões para a economia global, além de criar oportunidades de emprego significativas em todo o mundo”, sublinhou.

 

Por Diário de Notícias, Janeiro de 2019

Related Articles